O desafio histórico da Psicologia no enfrentamento ao Racismo

negritude

[Indicação de Leitura]: “Meu psicólogo disse que racismo não existe”

Essa é uma daquelas leituras importantes para todas e todos nós, psicólogas em exercício e futuras psicólogas! A vivência do racismo é uma realidade dolorosa e sofrida em nosso país. Nossa profissão, infelizmente, tem mascarado a existência do racismo e contribuído a anos para que ele se mantenha. Pouco, como esse texto, infelizmente, se produz sobre as consequências do racismo para  a saúde mental do povo negro, sobre as relações raciais e o racismo em nossa formação, nas salas de aula que frequentamos.

“Depoimentos de pacientes revelam que muitos psicólogos não sabem lidar com questões raciais no consultório. A maior carência é uma formação que aborde o problema do racismo no Brasil.”

Continuar negando a discussão, o debate e o estudo aprofundado de como se configuram as relações raciais ao longo da nossa formação, é, cada vez mais, se distanciar de uma Psicologia que tenha sentido. Se distanciar de uma Psicologia, de uma prática que contribua pra saúde mental do povo preto, acolhendo as demandas de suas vivências e se atentando em como essas vivências atravessam a construção de sua própria subjetividade.

Diante do desafio implicado em ser estudante de Psicologia, dessa Psicologia que está hegemonicamente nos currículos e salas de aula do país, o que me mantém seguindo com minha formação é a certeza de que é possível construir uma ciência e profissão que seja de transformação, que contribua pra melhorar a vida de cada mulher, cada homem, cada jovem do meu país. É saber que uma Psicologia que tenha significado é, sim, possível e o meu forjar-se psicóloga seguirá pautado na certeza de que uma nova Psicologia vai surgir pro meu povo, que eu e tantxs outrxs estaremos nessa construção.

É na garantia dos Direitos Humanos que a Psicologia deve se pautar, é contribuindo para uma sociedade justa, igualitária e pelo fim das opressões em nosso país!

O desafio é grande e coletivo, mas não podemos recuar.

Sigamos psicologxs do povo!

Anúncios

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s